Bem Vindos - Welcome - Bienvenidos - Benvenutto

Objetivei com a idéia deste blog, compartilhar com todos os amigos e interessados em cultura, literatura, crítica e incentivo, um pouco sobre meus conhecimentos e sobre mim.
Aqui, você pode e deve expressar sua opinião a respeito do conteúdo, através de seus comentários, em-mails ou enquetes. Você pode também compartilhar o conteúdo em suas redes sociais.
Agradeço a todos os leitores e visitantes!
Namaste!

CasadeLilo, desde 2008

domingo, 12 de junho de 2011

Disritmia.

Disritmia.


"Vou dizer tuas palavras ditadas passo a passo em meu coração.Vou respeitar suas angústias, os teus minutos e a distância sem relação.

Vou compor diariamente em pensamento e em vida, e recordarei a todo o momento enquanto divago, enquanto escrevo, enquanto vivo. Poéticas sentenças frenéticas ultrapassam limites e dizem verdades assim como digo palavras tuas;  
Racionais planos inconsequentes de censura trazem uma realidade crua. Nua. Despida de qualquer sentido. Um improviso.
Um ensaio comportamental que faz com que finja não sentir, não ouvir e não querer. Uma atuação não fundamentada que só faz doer. Fuga. Um disfarce opcional.São passos tão leves e amedrontados que desequilibram corpo, alma e mente; desvarios inconstantes e coerentes com o êxtase das nossas mãos ao sentir amor.

(In)certezas tão ferrenhas que tornam o êxtase em medo, é sabida a verdade que amedronta todo o enredo.

Nós já temos a certeza, só ainda não tivemos coragem.

E nessa disritmia, o corpo fala, a alma pensa, o corpo deseja e tu não te entregas."


- Lincoln Oms. Análise. CasadeLilo.

Nenhum comentário:

Receba as atualizações em seu e-mail.

Like!