Bem Vindos - Welcome - Bienvenidos - Benvenutto

Objetivei com a idéia deste blog, compartilhar com todos os amigos e interessados em cultura, literatura, crítica e incentivo, um pouco sobre meus conhecimentos e sobre mim.
Aqui, você pode e deve expressar sua opinião a respeito do conteúdo, através de seus comentários, em-mails ou enquetes. Você pode também compartilhar o conteúdo em suas redes sociais.
Agradeço a todos os leitores e visitantes!
Namaste!

CasadeLilo, desde 2008

sexta-feira, 18 de junho de 2010

“Incompletidão”

“Incompletidão”

“Eu queria tanto que tudo tivesse dado certo, mas vezes o certo é incerto.

Eu queria tanto que minhas certezas se certificassem antes de serem certezas e eu me ferisse, machucasse.

E queria que minhas incertezas se fundamentassem antes de proferir e aderir o fato de não quererem ser certas.

Eu desejei por todos os meus dias saber do correto e corretamente soube dos desejos diários.

Eu sempre quis realizar meus sonhos, mas quando vivifico parte deles, meu sonho prossegue com lacunas de enredo e retorno ao início.

Não tenho vivido sonhos sonhados, tenho sonhado sonhos sem indícios.

Indícios que me guiariam até o instante donde partiria a ser real todos os meus devaneios,
Mas ainda não passam de indícios.

Foram passos e coreografias,
Foram lágrimas e alegrias,
 Foi o enredo de uma vida, que morreu sem ter estréia.
Foram as cortinas que se fecharam sem aplausos e não tornaram a abrir.
Foram pálpebras cerradas que impediram de ver.
Foram invenções súbitas sem prévia idéia.

Foram planos inacabados,
Desejos planejados que em fracassos nem se quer puderam existir.

Não por completo.”



Por Lincoln Oms – Sonhos em neologismos – CasadeLilo.

Nenhum comentário:

Receba as atualizações em seu e-mail.

Like!